top of page

ANÁLISE DA MORTALIDADE POR INSUFICIÊNCIA RENAL NOS ANOS DE 2014-2021

Pesquisas em Temas de Ciências da Saúde

Jorge Augusto Souza Almeida
Kamylla Pessoa Figueira
Ariadna Fontenele da Silva
Lucas Franco Ferreira
Diego Maradona Lima Lopes
Isabella Giovanna Moraes Silva
Túlio Savio Araújo Lima Silva
Anna Clara Costa Gomes
Vanessa Zucatelli Murta

DOI: 10.46898/rfb.

bbbcf7e8-957b-40c7-ba94-de5b25d28923

Sinopse

A insuficiência renal (IR) é um sério problema de saúde no Brasil, apresentando altas taxas de mortalidade e custos médicos significativos. Esta condição pode se manifestar de forma aguda ou crônica, levando a complicações como infecções, sangramentos e insuficiência cardíaca. Um estudo recente teve como objetivo analisar as taxas de mortalidade relacionadas à IR em diferentes regiões do país. Utilizando dados do DATASUS e um método quantitativo transversal, foram consideradas variáveis como idade, raça, sexo e óbitos por região ao longo de um período de oito anos. Os resultados revelaram um aumento progressivo nas taxas de óbitos por IR em todas as regiões, atribuído ao envelhecimento da população e melhorias no diagnóstico. Idosos foram o grupo mais afetado, com maior incidência em homens, principalmente de raça branca. A relação entre raça e IR é complexa e multifatorial. Durante o período de 2014 a 2021, o Brasil registrou 123.940 óbitos relacionados à IR.

Data de submissão:

24 de setembro de 2023 20:23:27

Data de atualização:

4 de outubro de 2023 22:35:35

Gostou? Comente!
Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Adicionar avaliação
Share Your ThoughtsBe the first to write a comment.
bottom of page