top of page

ILEX DUMOSA REISSEK (AQUIFOLIACEAE): PROSPECÇÃO FITOQUÍMICA E ATIVIDADES BIOLÓGICAS DE EXTRATOS VEGETAIS FRENTE A BACTÉRIAS PADRÕES

Pesquisas em Temas de Ciências Biológicas

Andressa Guarnieri Canton

Larissa Valeria Laskoski

Maria Luisa Ribeiro Nascimento

Luana de Souza

Débora Marina Bandeira

Fabiana Gisele da Silva Pinto

DOI: 10.46898/rfb.

022406d6-d8c7-42c7-aea9-b43d304fadb0

Sinopse

As plantas apresentam diversos componentes químicos que estão envolvidos no seu metabolismo secundário, estes podem ser fontes potenciais de compostos bioativos. Deste modo, o presente estudo teve por objetivos realizar a prospecção fitoquímica das folhas da espécie nativa Ilex dumosa Reissek (Aquifoliaceae) por meio de alterações de cor ou reações de formação de precipitados, avaliar o potencial antimicrobiano dos extratos vegetais metanólico (EM), acetônico (EA) e etanólico (EE) frente a bactérias de importância médica, pela metodologia da microdiulição em caldo, avaliar a ação antibiofilme pela determinação da biomassa e viabilidade celular, bem como a toxicidade a partir da análise de CL50 em ensaio com Artemia salina L.. O perfil fitoquímico de Ilex dumosa revelou a presença de 6 grupos de compostos nos extratos: saponinas, flavonas, esteroides livres, triterpenoides, alcaloides e taninos condensados. O EM apresentou a melhor atividade antimicrobiana quando comparado com os demais extratos, apresentando a maior efetividade para levedura Candida albicans, CIM/CBM de 3,12/6,25 mg.mL-1, respectivamente, sendo considerado com elevado potencial antimicrobiano. O EE apresentou elevada atividade antimicrobiana para a cepa Staphylococcus aureus com CIM/CBM variando de 6,25/6,25 mg.mL-1. O EA apresentou elevada atividade antimicrobiana sobre as cepas de Enterococcus faecalis com CIM/CBM variando de 3,12/6,25 mg.mL-1. Os resultados da ação antibiofilme demonstrou que todos os extratos testados apresentaram atividade sobre biomassa de Candida albicans, mas elevada viabilidade celular. Os três extratos foram considerados atóxicos no teste de citotoxicidade frente Artemia salina, demonstrando uma nova perspectiva para desenvolvimento de produtos naturais a partir de uma espécie nativa.

Data de submissão:

22 de fevereiro de 2023 13:42:02

Data de publicação:

11 de março de 2023 00:25:37

Gostou? Comente!
Avaliado com 0 de 5 estrelas.
Ainda sem avaliações

Adicionar avaliação
Compartilhe sua opiniãoSeja o primeiro a escrever um comentário.
bottom of page